Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Minha Vida e Eu

Uma mudança de inicio de ano, mudar para inspirar!

11
Jul18

17 situações que acontecem quando montamos um móvel IKEA

Ana Gomes

ikea-leca.jpg

Foto retirada AQUI

 

Antes de começar este meu texto quero informar que não sou patrocinada em nada por esta querida empresa, nada tenho contra ela até pelo contrário sou uma fã deles, mas às vezes levam-me ao desespero! 

Assim sendo decidi dedicar-lhes este texto dos 17 pensamentos e fases que passei na montagem da minha bela cama BRIMNES

 

1. Vocês apaixonam-se por aquela cama, pensamos bem e ponderamos a compra, mas afinal qual o mal? Ela não nos fará chorar! E assim partimos para a comprar! 

2. Chegados a casa hora de colocarmos uma roupa confortável, tomar água e pensar que daqui a uns minutos tudo estará pronto! Aquele optimismo! 

3. Hora de começar a organizar o "Puzzle", parafusos, tábuas, tudo pronto para começar a montagem! 

4. Pegamos no livro de instruções e tentamos perceber uma coisa que nem texto trás e ficamos já exaustos e ainda nem começamos a montagem! 

5. Sério? Como é que é possivel parafusos, milhares de parafusos iguais terem tantas referências diferentes?

6. Os primeiros passos começam a ser dados, começamos a montagem e nada nos fará parar, pensamos que fomos feitos para isto e até poderemos ponderar uma carreira na IKEA.

7. Ao 5º passo encravamos! Ò meu Deus e agora? Onde fica este parafuso? Como o ponho lá e em que é que isto se vai transformar?

8. Chegada a hora critica, lemos e relemos o manual de instruções de novo, aparafusamos e desaparafusamos algumas vezes... são tentativas umas atrás das outras!

9. Pronto chegou aquele ponto de ruptura em que pensamos seriamente que não precisamos de cama para nada, mas para quê? Afinal podemos colocar um colchãozito no chão e dormimos bem na mesma! 

10. Parámos por momentos para fazer aquela chamada desesperada para um amigo para desabafar! Em quanto falas ao telefone olhas em volta e percebes que a tua casa está em pantanas, mas mesmo assim a cama da IKEA não irá levar a melhor! 

11. Depois da chamadinha, o 5º passo foi superado e conseguis-te perceber que afinal não é assim tão dificil! 

12. Quase no final percebemos que falta ali um parafuso pequeno algures mas que tu nunca o viste! Remexemos no meio do cartão, plástico e esferovite até encontrarmos o dito cujo.

13. É neste momento que entramos em estado de loucura e as lágrimas começam a apoderar-se de nós e a correr pelas faces! Por 1 parafuso pequeno que o nosso descanso fica pendente, não pode ser! 

14. Completamente esgotados, com dores de cabeça o trabalho está feito e aquela bela cama espera por nós.

15. Depois de tanto trabalho e cansados acabamos por tirar uma foto à NOSSA cama e partilhar o feito com todos nas redes sociais. Sentimo-nos orgulhosos do feito! 

16. Durante as próximas horas e mesmo dias não pensamos sequer em voltar à IKEA para ver ou comprar nem que seja uma manta. Isso é impensável!

17. Depois de todos estes pensamentos percebemos que ainda nos falta montar as mesas de cabeceira e o roupeiro! 

 

 

Quantos de vós já passou por isto?

 

03
Jul18

Missão Impossivel

Ana Gomes

Chegaram as férias escolares e para muitos de nós o horror apoderou-se da nossa vida. 

Como entreter os pequenos em quanto ficam em casa? 

Pois bem hoje trago-vos uma ideia engraçada para eles brincarem e se entreterem para isso só precisamos fio de tricot ou fita de carnaval, fita papel  e muita imaginação.

Vá colocando fita nos corredores da casa de forma a que eles tenham de superar a sua própria missão impossivel, terão de passar entre os fios sem sequer lhes tocar. 

Divirtam-se! 

fe87e5522b2feb7941dd8eb8466a9ccd.jpg

 

02
Jul18

Como organizar a casa com crianças?

Ana Gomes

Muitas mães me perguntam como consigo ter a casa sempre organizada quando tenho 2 pequenos sempre a correr lá em casa? 

A minha resposta é simples, "inclui-los na organização e ajuda-los a criar hábitos de rotina em pequenas tarefas que eles possam desenvolver!" 

Depois tenho algumas mães que me ficam com um olhar suspeito e a pensar que eu devo ser doida, mas não tudo é possivel. 

Primeiro de tudo temos de criar locais de fácil acesso para eles de forma a torna-los autónomos. 

Sabem que criança que é criança deixa um rasto de bagunça mal entra em casa, é mochila na entrada sapatilhas a caminho da sala, casaco no chão do quarto... e nós a enlouquecer, mas há solução. 

Primeiro de tudo tente criar um espaço na entrada para os pequenos deixarem os casacos, as mochilas da escola e os sapatos. 

Podem até definir os espaços para cada membro da família.

df380880e454212c07ca7ad5a584fd7f.jpg

 

No quarto onde têm todos os brinquedos, guardos em caixas e separados por categorias. Não coloquei caixas em locais altos de forma a que eles possam sozinhos tirar e guardar o que querem. 
O mesmo acontece com a roupa deles. 

Eu não tenho roupa pendurada, excepto os casacos de inverno. Tenho tudo dobrado e nas gavetas das cómodas de cada um de forma a que facilmente tenham acesso à roupa quando precisam. Assim num dia que se tem de sair a correr é só manda-los buscar a roupa para se vestirem e você sossegada pode fazer o mesmo. 

Podem até dar um ar da graça às cómodas com autocolantes sobre a roupa que contém cada gaveta. Acreditem que é muito mais fácil para vocês e para eles. 

1239198af2084f5a83dfe87978691ceb.jpg

 

Depois há sempre o facto de termos de os incluir na organização, limpeza ou arrumação diária com fazer a cama, arrumar louça, apanhar e estender roupa tudo isso ajuda-nos a nós e ensina-os a serem disciplinados. 

Acreditem ou não andamos menos stressadas, sabemos que eles mais tarde saberão fazer as coisas e tornamos a vida de todos mais simples e rentável.

Temos de criar regras, pedir ajuda aos pequenos e ensina-los a serem organizados e responsáveis. 

 

 

29
Jun18

2016 foi o ano da mudança!

Ana Gomes

Estávamos a meio de 2015 era verão e eu sentia que tinha que mudar de vida! 

Tudo em casa me dava nervos, tudo me metia confusão e por mais arrumação que fizesse ou redecoração de espaço não conseguia o que queria. 

Em Agosto de 2015 duas semanas em casa com os filhos foram as suficientes para ler um livro de uma blogger (talvez a primeira que eu tenha lido) sobre organização. Conforme ia lendo ia arrumando aqueles espaços lá em casa, a vida começou a ser mais fácil, comecei a ter mais tempo. A casa começou a ter mais espaço, mais respirável.

Mudamos as decorações dos quartos, colocamos papel de parede e mudamos a mobília do nosso quarto que era escura por uma mobília branca. 

Começava uma nova etapa onde começava a entender o conceito de organizar, o conceito de minimalismo e onde começava a imperar o lema do menos é mais!

Assim passávamos de agosto a Março de 2016 tentando criar um ambiente agradável para 4 num pequeno T2. 

2016 ia ser o ano de viragem, eu tinha decidido que teria que ser mais organizada e com a casa quase ao meu ponto estava na hora de começar a organizar-me a mim, mas como? Não fazia a menor ideia de como o fazer, nada me agradava ou não me adaptava a nada que se lê sobre o assunto. Mas quando tudo parecia encaminhado eis que surge a reviravolta nas nossas vidas (hoje vos digo que para melhor). 

Depois de uma urgência com o mais novo a um hospital privado onde apanhei o pediatra dele nas urgências ouvi-lo dizer que o pequeno está com inicio de pneumonia voltei para casa em sobressalto. Depois do jantar o marido ao sair da mesa sentiu o chão molhado (sim, nós andamos descalços em casa). Quando começamos a verificar tínhamos águas por trás dos móveis, nos tetos começava a notar-se as pintas e por baixo do flutuante parecia uma nascente. 

 

Fiquei em alerta e comecei a associar todas as doenças infeções respiratórias do mais novo à situação das humidades.

Estávamos no inicio de Fevereiro quando depois desse final de semana de descobertas decidimos que nos íamos mudar o quanto antes, lá conseguimos em tempo recorde fazer a mudança sempre com a ajuda preciosa da minha mãe. 

Foi procurar, chamar o pintor mandar pintar e arranjar tetos e paredes e mudar-me. 

Fiquei feliz, primeiro porque o meu filho iria ter um ambiente saudável para morar, porque a casa era maior mas porque ia ter uma tela em branco onde poderia começar a organizar tudo de novo! 

Agora sim era para valer, organizar a minha casa do zero era o melhor que me poderia acontecer. Mais uma etapa depois da mudança onde destralhei milhares de coisas que não precisava e agora sim tudo estava encaminhado para começar uma vida bem mais calma e sem stress.

Depois de casa organizada, pequeno com a saúde a aumentar de dia para dia a começar a comer mais era hora de me organizar. Chegávamos a finais de Março (26/03) quando nos mudamos era final de semana de Páscoa e seria a melhor em todos os tempos. 

Casa nova, mobílias velhas mas tudo organizado. 

Estava pronta para pesquisar uma nova maneira de me organizar, não sei como falaram-me sobre Bullet Journal uma forma de organização pessoal. Decidi ir pesquisar sobre o assunto e assim começou uma paixão assolapada sobre este tema. 

Hoje em dia sou sincera uso um Planner que é feito por mim mensalmente onde vou colocando as coisas, mas de tudo o que passei nestes últimos anos foi o que mais me ajudou a organizar a vida. 

Comecei a ter tempo para mim, tempo para a família, ajudou-me a ganhar hábitos diários que agora são meras rotinas e tudo começou por causa de um pequeno livro da Mónica que em 2015 me fez querer ser organizada mas nunca na vida em Janeiro de 2016 quando escrevi este POST pensei que a minha vida mudasse tão depressa. 

Assim no espaço de 3 meses entre o post onde estava determinada a mudar a minha vida e organizar-me passei a ter uma vida organizada com tempo para tudo e todos. 

Obrigada a quem me falou do Bujo peço desculpa porque não me lembro quem foi, obrigada à Mónica pela dedicação com que escreveu o livro e a todos os que me seguem e fazer querer manter o blogue para vos ajudar a organizar e a ter ideias para o fazerem. 

 

 

 

 

 

12
Jun18

Dividir tarefas em quanto casal

Ana Gomes

Sei que é muito dificil em alguns lares isto acontecer, mas já nada é como antigamente em que todas as tarefas domésticas eram obrigatoriamente executadas pela mulher. 

Hoje em dia as coisas já não são assim, mas também sei que há homens (maridos, namorados, companheiros) que se puderem escapar à organização ou ajuda doméstica o fazem. 

Lá por casa funciona bem e tudo começou a funcionar depois de uns certos itens que tivemos de decidir em quanto família. 

Para vos ajudar vou deixar-vos aqui dicas de como podem solucionar este bicho de 7 cabeças que assombram muitos lares, até porque se o homem quer ficar aqueles 30 minutos no sofá quando chega a casa nós também. Vamos a isso?

 

1. Conversar

Nada como uma boa conversa com o marido e com os filhos para que entendam que trabalha o dia todo, que também quer tempinho de qualidade com eles e que precisa de ajuda. 

Está na altura de começar a dividr tarefas diárias desde banho aos miudos, cozinhar, tratar da roupa, lanches para o dia seguinte.

Onde todos ajudam nada costuma! 

 

2. Dividir tarefas

Colocar o marido a ajudar não é assim tão dificil até porque se ele ajudar com as coisas dele é menos uma preocupação para nós. 

Façam uma tabela e podem sempre decidir quem faz o quê e quando. Os miudos podem sempre tratar de arrumar a roupa deles que está lavada e passada, tratar dos lanches para a escola. 

O marido pode ficar com a parte de tratar dos pequenos (banhos, Trabalhos de casa, sopas...). 

 

3. Ensinar e Explicar

Todas nós gostamos que as coisas sejam feitas à nossa maneira. É certo e sabido que isso não irá acontecer quando há divisões de tarefas. 

Está na hora de os ensinar como quer que as coisas sejam feitas, assim livra-se de uma ataque de nervos. 

 

4. Criar hábitos

Peça para que todos tenham atenção às suas próprias tarefas que as executem vários dias seguidos (21 dias pelo menos) para que se tornem um hábito diário. 

 

Pois bem lá por casa todas estas dicas resultaram, desde que nos mudamos para uma casa maior o trabalho é dobrado. 
Os pequenos ao final do dia tratam dos lanches, eu de manhã à semana faço as camas e o maridão fica encarregue de tirar louça da máquina, ajudar no jantar e em arrumar a cozinha. 

Ao final de semana é o maridão que trata dos quartos e eu levo os pequenos às actividades extra curriculares.

Acreditem que uma boa conversa faz milagres! 

 

07
Jun18

Eu e as minhas costuras...

Ana Gomes

Andava eu deliciada com uma invenção minha em costura, quando pumba toma lá acabas de partir mais uma agulha. 

 

Sim eu sou perita em partir agulhas da minha máquina, já pensei seriamente comprar agulhas para ganga por serem mais resistentes... eu já consegui gastar 2 caixinhas de agulhas!!! 

Socorro... mas o trabalho estava a ficar tão lindo e acabou por ficar a meio! 

Decidi que iria aproveitar todos aqueles retalhos que ando por lá e fazer um porta moedas com 2 bolsinhas exteriores. E assim foi, estava tudo a correr lindamente... até que fique sem agulha! 

Ainda não fotografei espero conseguir terminar o trabalho, mas para isso tenho de ir comprar mais uma caixinha de agulhas a ver vamos! 

29
Mai18

12 locais que nos esquecemos de organizar

Ana Gomes

há locais que nem sequer nos passa pela cabeça que tenham de ser organizados a não ser que seja necessário lá ir e aí sim vemos a bagunça em que se encontram! 

Vou enumerar 12 spots que temos tendência a deixar por organizar.

1. Prateleiras livros escolares dos filhos

2. Secretária do computador

3. Produtos Beleza WC

4. Gaveta da roupa interior

5. Armário dos medicamentos

6. Caixa das Jóias 

7. Cozinha - sacos das compras e os tupperwares

8. Debaixo da cama

9. Armário das roupas de casa

10. Frigorifco e congelador

11. Colecção de livros, CD's ou DVD'S (aqui incluo também os jogos)

12. Mala do carro (a minha vergonha!)

 

 

28
Mai18

20 coisas a fazer em casa já este mês - Actualização #2

Ana Gomes

1. Organizar gavetas roupa interior - Check

2. organizar roupeiros - check

3. Almofadas novas (comprar) - CHECK 

IMG_20180517_171445_445.jpg

 

 

4. Dar uso às portas dos armários e de casa  

5. Tirar tudo o que não usamos das gavetas e dos roupeiros - Check

6. esconder os fios dos aparelhos todos - CHECK 

20180518_062222.jpg

 

7. Começar a ter plantas dentro de casa - CHECK 

8. Limpar a casa de energias negativas (implementar feng shui) - ainda não sei bem como mas vou estudar o assunto! 

9. Ter stock de enlatados e água (nunca se sabe o que pode acontecer) CHECK

10. Comprar nas lojas do Euro - CHECK (Isto já é check algum tempo)

11. Resolver o meu problema com as mantas que andam espalhadas pela sala (cesto) - CHECK

12. Tratar das juntas dos WC e cozinha que estão sujas

13. Destruir papéis e facturas antigas - CHECK (Metade do trabalho já estava feito foi só acabar 1 pasta... recordem-se que à uns tempos atrás andei a organizar o escritório.

14. Colocar os panos de cozinha no lugar eles saem mas quase não voltam - CHECK (Lavados e dobrados... O que faz ter uma avó e empregada)

15. Doar material de Crafts que não utilizei (doar à escola, associações...) - CHECK DOADO Á AVÓ

16. Decorar a casa com um Bouquet de flores - CHECK

20180518_062209.jpg

 

17. Criar uma base de carregamento na entrada 

18. Limpar o ar condicionado do carro

19. Organizar os produtos limpeza na despensa e no armário - CHECK

20. Limpar os acentos de trás do carro e protege-los de novo

24
Mai18

Três dicas para organizar segundo os 3 maiores experts

Ana Gomes

Pois é, eu não li mas vou dando uma espreitadela aqui e outra ali sobre organização e descobri umas dicas muito boas para vos ajudar a serem ou tornarem-se mais organizadas segundo os experts da area! 

 

Querem ver?

 

 

Marie Kondo acho que esta senhora não precisa de apresentação porque todos nós já ouvimos falar dela. 

As 3 dicas

- Tirar tudo dos armários e/ou gavetas para organizar - lá em casa impera isto é o chamado vai ou racha

- Organizar tudo de uma vez só (livros, roupas, documentos...) - não sou apologista

- Discipline-se - arrumar de imediato tudo o que trás da rua sapatos, carteira, casacos. - nós tiramos logo os sapatos na entrada de casa, deixamos os casacos no bengaleiro

 

Peter Walsh australiano tem o seu próprio programa de TV sobre como destralhar é apologista da regra de Abriu, Fechou... usou, lavou... algo que eu adoro e faço em casa! O método deste senhor é o mais utilizo em casa e o que mais se adapta a mim.

As 3 dicas

- Comece pelo mais fácil, uma divisão pequena, a gaveta da mesa de cabeceira...

- Comprometa-se com a arrumação, todos os dias faça um pouco 

- Envolva os seus filhos na organização

 

Alejandra Costello, considerada a pessoa mais organizada dos EUA tem um canal de Youtube, tem também um canal de TV. 

As 3 dicas 

- Dedicar 30 minutos por dia à organização/arrumação - lá em casa dedico uns 15 minutos de manhã antes de sair e outros 15 à tarde às vezes mais do que isso. 

- Usar cores para organizar, diz Alejandra que fica mais fácil de encontrarmos o que queremos quando sabemos em que cor procurar. - Lá em casa o sistema de cores só está implementado na documentação em arquivo suspenso depois para arquivar é bem mais simples.

- Não desistir! Nunca... se acha que não consegue é mais fácil reavaliar a situação do que desistir. - é aqui que eu peco porque muitas vezes tenho vontade de desistir mas aí lembro-me de elaborar uma lista (as minhas famosas listas) e toca a recomeçar tudo de novo.

 

 

Posso dizer que sou uma espécie de mesclania dos 3 gurus um pouco de cada e tenho o meu próprio método de organização. 

Para mim organizar é isto mesmo, conciliar as dicas de várias pessoas e criar o nosso próprio método de arrumação/organização. Sim é verdade, o que é bom e eficaz para mim pode não ser para outros. 

Dicas deixo sempre porque serão sempre úteis! 

Sobre mim

foto do autor

Pesquisar

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

instagram

Comentários recentes

  • Gorduchita

    Passa rápido, vais ver! :)

  • Ana Gomes

    eu posso afirmar que estou pró naquilo

  • David Marinho

    Os desenhos às vezes não ajudam. Ou então é precis...

  • Ana Gomes

    Pois ás vezes os planos saem furados a ver vamos c...

  • Ana Gomes

    Obrigada mas daqui até lá ainda me vão aturar!!!!

Twitter

Leituras & Livros

Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Parcerias

Bloglovin

Follow

Desafio de Leitura

Blogs de Portugal