Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Minha Vida e Eu

Uma mudança de inicio de ano, mudar para inspirar!

01
Fev16

Chegamos ao Carnaval

Ana Gomes

carnaval.jpg

Ainda há uns dias atrás estavamos a começar a falar do Natal... onde está o Natal? Já foi! 

Pois ainda ontem cantava e enfeitava o árvore de Natal com os pequenos, como tão depressa a guardava de novo na garagem, pois o Natal já tinha passado! 

Mas o Natal passou a correr, entramos no novo ano e Janeiro já foi! 

Já estamos no Carnaval? Só me lembrei disso hoje porque o meu filho mais velho falou nem sequer me lembrei que no final desta semana eles desfilaram na escolinha! 

Ai se continuar assim daqui a pouco estamos na Páscoa e depois as férias de verão e quando dermos por isso já chegou o Natal outra vez! 

Será que o tempo não poderá passar um pouco mais devagar de forma a podermos desfrutar das coisas mais calmamente!? 

 

 

01
Fev16

Fim de semana atribulado

Ana Gomes

Lágrima.jpg

Mais um final de semana que passa a correr sem que eu dê por isso! 
A letargia que sinto não me deixa sequer conviver com quem habita em minha casa! Começo a achar que realmente preciso de ajuda mas começo a pensar demais no assunto e começa o receio e o medo apoderar-se de mim! 

Ontem desatei num pranto depois do almoço sem mais nem menos! 

Chorei porque o mais novo me deu uma joelhada nas costelas e eu deitei-me de barriga para baixo no sofá! O pequeno achou que estava a brincar e continuou a brincar em cima de mim! 

Foi naquele momento que percebi o quão realmente preciso de ajuda! Não que o pequeno me tenha magoado, mas senti que me faltavam as forças e que eu estava a desistir de tudo a que me tinha proposto! Estava a desistir da minha vida, da minha família e principalmente dos meus filhos! 

Peguei no pequeno e fomos dormir a sesta, enquanto lhe dava colo chorei de novo e ele pressentindo que eu chorava virou-se para mim, abraçou-me e deu-me um beijo! 

Aqueles segundos foram preciosos para mim, senti-me amada por uma coisinha tão pequena e fofa! Sentir aquelas mãos pequeninas no meu pescoço fez-me perceber que por mais que me custe tenho que me erguer todos os dias. Por ele e pelo irmão! 

Falta pouco para a consulta e quarta de manhã quando aqui chegar de certo já terei alguma coisa para vos contar ou então já fui internada! (heheheh)

 

Sobre mim

foto do autor

Pesquisar

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

instagram

Twitter

As minhas Leituras