Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

<meta name="p:domain_verify" content="b0dc1263b05ccdbbba0bb9b49350e6b4"/>

A Minha Vida e Eu

Uma mudança de inicio de ano, mudar para inspirar!

24
Jul18

Educação

Ana Gomes

Na semana passada fiquei um pouco escandalizada quando um cliente em desabafo me pede uma encomenda urgente porque os filhos estão a chegar para férias. 

Primeiro pensei de onde viriam os filhos e depois percebi que as crianças estudavam fora. Tudo trés chic pour moi apesar das crianças estudarem em Inglaterra. 

Então o senhor estava charlatanismo porque queria aquilo com urgência e em quanto se lamentava acabou por dizer que os rapazolas são uns irresponsáveis e diz ele mesmo que "todos os rapazes são assim como os meus!"

Não senhor... não são! Pensei eu! 

Segundo entendi pela conversa dele, os pais não conseguem ter "mãos" nos miúdos já adolescentes. Pelos vistos fazem o que querem o que lhes apetece... está mal! 

Em jeito de brincadeira perguntei se ele queria que lhe envia-se por uma semana os meus para o pé dos dele a jeito de dar a entender que todos fazem asneiras mas que a educação vem de casa. 

A conversa continua à volta da educação que cá podemos dar (as palmadinhas) e que lá não é permitido porque são presos! Eu fiquei a olhar para o senhor e a pensar estás a gozar comigo só podes, se tivesses dado educação desde pequenos não estarias a lamentar-te! 

Continuava as lamentações até porque um deles já se tinha virado à mãe para lhe bater... como??? Aqui, fiquei a olhar para o rapaz de lado e a pensar "não lhe chegas-te a roupa ao pêlo primeiro?!" e ele continua a dizer que os adolescentes (filhos) fazem chantagem psicológica se eles (pais) não fizerem o que eles pedem! 

Sim sim... os meus levavam com a chantagem psicológica de uma maneira que passava-lhes a neura. 

A conversa durou mais ou menos 15 a 20 minutos em torno da má educação dos filhos, até que o cliente me diz que tudo vem da má educação que o colégio em Inglaterra lhes dá! 

Não, não e não... BASTA! Fiquei a fumegar nisto, o cliente entendeu e tentou desculpar-se "ah a senhora se calhar não tem filhos, ou são ainda pequenos! quando são pequenos eles obedecem sempre aos pais!" 

Opá esta foi a última e então saiu-me o belo do discurso de mãe galinha e leoa que sou:

"Tenho 2 rapazes sim! 
Os rapazes não são todos iguais... a educação não tem que ser dada na escola/colégio tem que vir de casa dos pais ou cuidadores. Não pode imputar responsabilidades aos professores e auxiliares da escola onde eles estudam quando vocês pais são os primeiros a negligenciar a educação dos vossos filhos! 
Não é porque os rapazes andam num colégio XPTO que vão ser mais ou menos educados que os outros! Todos os miúdos fazem asneiras e de vez em quando se passam da cabeça, mas educação tem sempre de ser dada pelos pais!"

O rapaz, com a minha idade, ficou tão atordoado que me pediu que lhe liga-se quando a encomenda estivesse pronta e saiu! 

Fico possessa com estas coisas...

 

Resumindo e concluindo:

1. Entendi que eles (pais) nunca colocaram limites e regras às crianças

2. Culpabilizam o sistema educativo inglês

3. Que foram pais permissivos de mais e agora querem retroceder na educação e não conseguem

 

22 comentários

Comentar post

Sobre mim

foto do autor

Pesquisar

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

instagram

Twitter

As minhas Leituras