Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Minha Vida e Eu

Desabafos, Organização, Costuras, Dicas, Viagens e Miúdos!

10
Abr19

E agora?

Ana Gomes

Sinto-me sem energia, parece que o que me fazia levantar de manhã desapareceu! 

Verdade seja dita os meus filhos são outra das razões que me fazem levantar, mas parece que tenho o mundo às costas... ora porque tenho de ter atenção à mãe, ora porque tenho de ter atenção aos meus irmãos, ora tenho de ter atenção aos sobrinhos ou porque tenho de ser actriz para os meus filhos quando só me apetece chorar! 

Por mais que nos confortem com palavras, abraços e beijos nada faz-nos superar a perda de um pai! 

Por mais que o marido me ligue várias vezes e me diga sempre "Se precisares de ajuda pede!" tudo é dificil. 

A adrenalina que corria nas veias todos os dias, que me fazia sair do trabalho a correr para o ir ver desapareceu, e com ela foi toda a energia. 

É doloroso voltar à minha rotina, muito penoso saber que cada vez que entrar na porta do escritório dele não o verei sentado na cadeira, não o ouvirei mais a chamar por mim! 

Mesmo depois de 3 meses fora da empresa, o que até já me poderia ter habituado mas agora é diferente... agora sei que ele não voltará! 

Não passou nem uma semana, passaram 2 dias desde o funeral mas a saudade é enorme! 

Estes dois últimos dias fizemos jantar em casa da mãe onde estivemos todos presentes, mas para mim faltava ali ao meu lado esquerdo uma das peças chaves da minha base de apoio! Falta-me ali aquele murmurinho a resmungar que o meu pequeno mais novo não come! 

Sinto muito a falta dele é doloroso, mais do que poderia imaginar. 

Já tinha sentido a perda do meu avô o único que conheci e não me recordo de tanta saudade e dor como agora! 

Sei que o caminho é para a frente, sei que tenho de fazer cara bonita e de forte para que nenhum de nós desabe mas é doloroso! 

Pai sinto a tua falta mais do que nunca, não te esquecerei e sempre recordarei o que de bom tivemos juntos. As nossas viagens a 6 (familia) para a alemanha de carro, as viagens de final de semana, os jantares, os aniversários, os finais de semana em tua casa na piscina mas o que mais me vai custar é continuar a fazer férias de verão no mesmo local e não te ver lá naqueles últimos dias que passavamos juntos! 

 

NOTA: O dia 5 continua a ser o mau olhado. 

5 Março 1972 - Avó Materna

5 Setembro 1994 - Madrinha (irmã da mãe)

5 Janeiro 2000 - Avô Materno

5 Maio 2000 - Tia Materna

5 Abril 2019 - Pai 

 

 

 

26
Mar19

Obrigada Pai!

Ana Gomes

IMG_1993.JPG

 

Ainda cá estás, mas começamos a ver as coisas mal paradas e por isso decidi escerver-te hoje tudo aquilo que nunca te disse! Não te posso deixar ir sem te agradecer! 

Agradecer por todos os momentos em que precisei de ti e estavas lá, apesar de às vezes achar-te chato de mais! Trabalhar contigo não é fácil mas fez de mim uma pessoa mais rigorosa e metódica até mais perspicaz para certas situações.

Apesar de pouco demonstrares os teus sentimentos foi ao fim de 38 anos que te vi a primeira lágrima a correr no rosto! Vi-te vunelrável, com o medo nos olhos... o medo do incerto, do que por aí viria! O medo de saberes que poderia estar a chegar o fim!

No teu dia de anos voltei a ver as lágrimas, mas desta vez de felicidade por conseguires superar 3 semanas de internamento onde trataram de ti e te deram a esperança que por cá morreu no inicio de 2019.

Voltas 15 dias depois para Espanha, onde sentias confiança e onde querias ser tratado, mas de nada nos valeu levar-te mais uma vez para lá. Vimos-te 2x na unidade de cuidados intensivos, vimos-te mal, o que me fez deixar a minha familia para ir para os teus braços. Foi a minha pior viagem onde me vi sozinha nos aeroportos de lágrimas nos olhos! 

Regressas a Portugal na quarta feira de cinzas, já sem nenhuma esperança, agora como tu dizes "só resta esperar!" , uma espera angustiante para ti mas acho que muito mais para nós. Por sabermos que te vamos perder!

Olho-te nos olhos e lá no fundo sinto arrepios por entender que o teu olhar está perdido, vazio, desesperado mas de alguma forma descansado porque finalmente conseguis-te tratar de tudo o que precisavas tratar! 

Fizemos tudo ao nosso alcance para te ajudar, pelo menos para minimizar tudo o que por aí vinha! 

Vou ter saudades do teu sorriso! Vou ter saudades de te ouvir resmungar comigo no trabalho e de te ouvir dizer "não sabes fazer nada!" , vou ter saudades de te ver sorrir quando vês os teus netos, vou ter saudades de ouvir as piadas que de vez em quando tu dizias! 

Vou ter saudades das "nossas" férias no Algarve onde vinhas ter connosco para estar com os pequeninos! 

Simplesmente vou ter saudades... simplesmente fazes-me falta! 

Agora só me resta dizer-te mais uma vez..

"Pai amo-te e obrigada por tudo!" 

 

 

07
Jan19

O melhor e o Pior de 2018

Ana Gomes

Não será dificil escolher é certo, mas de melhor para mim em 2018 tenho várias coisas que agora dou mais valor:

Mas para mim não é o melhor de 2018 é o melhor que tenho na vida!

  • família
  • viajar com a familia
  • ter casa
  • saúde 
  • filhos lindos e saudáveis
  • trabalho

 

O pior é quase indiscritivel a sensação de saber que o irei perder a qualquer momento, quando ainda há 5 meses atrás o via bem disposto a andar a pé, a resmungar connosco no trabalho e agora nem da cama sai! 

O pior de tudo foi mesmo saber da doença do meu pai, sabendo que pouco há a fazer por em quanto por ele. Vê-lo a perder peso de dia para dia, mas saber que ele está calmo e sereno em relação a isso conforta-me o coração! 

Não foi um pai afectuoso, mas foi o pai que sempre precisamos, que nos ensinou o dever da vida, o sentido de reponsabilidade e que nos deixou cometer erros para aprendermos! Mas quando precisamos sempre esteve connosco. 

Ainda a semana passada quando iniciamos o trabalho depois das férias, dizia-nos a todos como fazer e o que fazer! 

Tenho fé que as coisas melhorem o veja de novo a entrar no escritório e resmungar connosco!

Sobre mim

foto do autor

Pesquisar

Sigam-me

Twitter

instagram

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

As minhas Leituras